Adoniran por Gal

Phono-73 Aconteceu em maio de 1973, durante um festival de música realizado no Centro de Convenções do Anhembi – São Paulo.

Era o Phono 73, que contava com quase a totalidade dos artistas talentosos da gravadora Phonogram, atualmente chamada de Universal.

O festival foi marcado pelo lançamento da canção “Cálice”, de Gilberto Gil e Chico Buarque, e que teve os microfones cortados durante a tentativa de apresentação.

Mas, entre outros tantos artistas de sucessos, escolhemos para postar essa perola de Adoniran Barbosa, “Trem das Onze”, na bela voz de Gal Costa.

O festival foi registrado três volumes do álbum de nome Phono 73 – O canto de um povo.

Vamos curtir essa bela interpretação de Gal Costa.

Como éramos felizes, no tempo dos Festivais…

The Point Carioca - Blog

Clique em CURTIR e Compartilhe.

Canta Brasil

Fantasia Hoje, Primeiro de Janeiro, seria o aniversário do compositor deste grande sucesso: David Nasser (Jaú – SP, 1 de janeiro de 1917 — Rio de Janeiro – RJ, 10 de dezembro de 1980).

A música “Canta Brasil”, composição de Alcir Pires Vermelho e David Nasser, foi composta em 1941, gravada por Francisco Alves com a Orquestra Rádio Nacional, e foi regravada por Gal Costa no seu álbum Fantasia, em 1981.

Vale a pena recordar.

The Point Carioca - Blog

Clique em CURTIR e Compartilhe.

A história da música Dindi

Sylvinha Telles - Tom Jobim - Marcos Valle“Dindi” é uma canção composta por Antônio Carlos Jobim com letras de Aloysio de Oliveira.

Muitos acreditam que Tom Jobim escreveu a canção especialmente para Sylvia Telles, cantora brasileira cujo apelido era Dindi.

Mas, a verdadeira história é esta :

“Dindi”, ao contrário do que pensam muitas pessoas, não foi composta para Sylvinha Telles, nem para pessoa alguma. Era o nome de um lugar próximo a Petrópolis. Havia uma fazenda que chama-se “Dirindi” de onde veio esse nome em diminutivo. Essa história, que muitos já conheciam, foi confirmada por Helena Jobim, irmã do compositor em seu livro.

“Ele via o rio passar, roncando nas pedras, as águas espumaradas. Aquele ruído o apaziguava. Na outra margem, começava o pasto que ia dar no morro do Dirindi. ‘Dindi’ não era, como muitos pensavam, um nome de mulher. Mas sim toda aquela vasta natureza e seus segredos”, narra Helena Jobim, irmã de Tom, no livro “Antônio Carlos Jobim, Um Homem Iluminado” [Ed. Nova Fronteira].

The Point Carioca

Assinem e Compartilhem nosso Blog.

Letra da Música:

O Aniversário de Caymmi

Dorival CaymmiNesse dia 30 de abril de 2013, Dorival Caymmi completaria 99 anos de idade.

Dorival Caymmi (Salvador, 30 de abril de 1914 – Rio de Janeiro, 16 de agosto de 2008) foi um cantor, compositor, violonista, pintor e ator brasileiro.

Compôs inspirado pelos hábitos, costumes e as tradições do povo baiano.1 Tendo como forte influência a música negra, desenvolveu um estilo pessoal de compor e cantar, demonstrando espontaneidade nos versos, sensualidade e riqueza melódica.

Poeta popular, compôs obras como Saudade de Bahia, Samba da minha Terra, Doralice, Marina, Modinha para Gabriela, Maracangalha, Saudade de Itapuã, O Dengo que a Nega Tem, Rosa Morena.

Nas composições de Caymmi (Maracangalha, 1956; Saudade de Bahia, 1957), a Bahia surge como um local exótico com um discurso típico que estabelecera-se nas primeiras décadas do século XX, com referências à cultura africana, à comida, às danças, à roupa, e, principalmente à religião.

Relembrem Dorival Caymmi com Dori Caymmi, Nana Caymmi e Gal Costa, no Heineken Concerts 1996, em São Paulo, interpretando “Maracangalha” :

Depoimentos sobre Caymmi :

“O Dorival é um gênio. Se eu pensar em música brasileira, eu vou sempre pensar em Dorival Caymmi. Ele é uma pessoa incrivelmente sensível, uma criação incrível. Isso sem falar no pintor, porque o Dorival também é um grande pintor.” – Tom Jobim.

“Escrevi 400 canções e Dorival Caymmi 70. Mas ele tem 70 canções perfeitas e eu não.” – Caetano Veloso.

The Point Carioca

Assinem nosso Blog.

 

Fontes:

Valentine’s Day

Valentines DayHoje, 14 de fevereiro, é Valentine’s Day, o famoso Dia dos namorados nos Estados Unidos e na Europa.

Para homenagear a todos os namorados e enamorados deste nosso mundo, vamos postar um sucesso de Dorival Caymmi que ficou famoso na bela interpretação de Gal Costa.

A música chama-se “Só Louco”.

Happy Valentine’s Day !!!

The Point Carioca

Assinem nosso Blog.

Letra da Música:

Fontes: