Instrumental de Antônio Adolfo

Antonio Adolfo e A Brazuca Mais um dos geniais compositores da nossa MPB, Antônio Adolfo deixou marcado seu sucesso no Brasil e no Exterior.

Exímio pianista, Antônio Adolfo, desde os 16 anos de idade, já pertencia ao seleto grupo da Bossa Nova.

Participou de diversos Festivais da Canção, vencendo em 1970 com a música “BR-3”, interpretada pelo grande Toni Tornado.

Fez parte do grupo A Brazuca, além da famosa parceria com Tibério Gaspar.

Hoje vamos curtir um instrumental com Antônio Adolfo interpretando “Sá Marina”, composição sua em conjunto com Tibério Gaspar, que concorreu no Festival da Canção  do ano de 1968 obtendo enorme sucesso.

A canção ficou eternizada, também, na gravação do saudoso Wilson Simonal.

Vale a pena curtir e compartilhar.

Saudade dos bons Festivais…

The Point Carioca - Blog

Anúncios

Um cantor de sucesso, do tempo dos Festivais

Jesse Jessé, nascido em Niterói – Rio de Janeiro, foi criado em Brasília e mudou-se para São Paulo quando adulto.

Como tantos outros crooners e jovens cantores nas décadas de 60 e 70, se lançou com pseudônimos ingleses: Christie Burgh (1976) e Tony Stevens (1976-1977). Ainda teve o pseudônimo brasileiro de Reginaldo Veloso (1978-1979), gravando dois discos com músicas evangélicas.

Em 1980, no Festival MPB Shell, da Rede Globo, apareceu para o grande público com seu verdadeiro nome. Concorreu com a música “Porto Solidão” (composição de Zeca Bahia e Ginko),  ganhando o prêmio de melhor intérprete do festival.

“Porto Solidão” seria seu maior sucesso.

Mas hoje vamos curtir e relembrar um sucesso de Jessé, sob o pseudônimo de Tony Stevens, “If you could remember”, uma letra em inglês escrita por Jessé para a música “Cantata” de J. S. Bach, gravada para a novela Cabocla, da extinta Rede Tupi.

Jessé faleceu em 1993, aos 40 anos de idade, em consequência de traumatismo craniano, ocasionado por um acidente automobilístico.

The Point Carioca - Blog

Lero Lero

Edu Lobo Lançada no álbum Camaleão, de Edu Lobo, no ano de 1978, a música “Lero Lero” tem como letra o poema de mesmo nome escrito por Cacaso.

Edu Lobo, carioca, é um dos grandes cantores, compositores, arranjadores, instrumentista e interpretes da Bossa Nova e MPB em geral.

Despontou nos famosos Festivais, vencendo os Festivais de Música Popular Brasileira de 1965 e 1967, com “Arrastão” e “Ponteio”, respectivamente.

O post de hoje, além de servir para relembrar esse grande sucesso de Edu Lobo, vale para curtir toda a poesia de Cacaso exaltando o povo brasileiro.

Os brasileiros precisam retomar o Brasil.

The Point Carioca - Blog

Finalmente 2018 !!!

Festival Agora sim, passado o Carnaval, podemos dizer que o ano de 2018 começou no Brasil.

Ou seria quase isso…

Ainda teremos as comemorações dos resultados dos desfiles das escolas de samba, o desfile das campeãs e um Domingo para curtir o final do Horário de Verão.

Pena que, já de início, podemos ver que tudo continua como antes, ou pior…

Os desfiles das escolas de samba mostraram na avenida a triste realidade da corrupção no Brasil. Muitas, reclamando da redução da verba governamental destinada a elas. Será que isso seria o motivo de tanta reclamação?

Enfim, fica difícil comemorar o atual estado de abandono em que se encontra o nosso amado país.

Mas, navegando pelo FaceBook, encontrei na página de uma amiga uma bela canção que fala sobre essa nossa triste realidade.

A canção chama-se “A Ordem do Inverso”, de Juliana Franco, e foi defendida e interpretada por Rosana Batista no Festival de Música Popular Paraense de 2017.

Será que estamos voltando ao tempo dos “bons festivais”?

The Point Carioca - Blog

Adoniran por Gal

Phono-73 Aconteceu em maio de 1973, durante um festival de música realizado no Centro de Convenções do Anhembi – São Paulo.

Era o Phono 73, que contava com quase a totalidade dos artistas talentosos da gravadora Phonogram, atualmente chamada de Universal.

O festival foi marcado pelo lançamento da canção “Cálice”, de Gilberto Gil e Chico Buarque, e que teve os microfones cortados durante a tentativa de apresentação.

Mas, entre outros tantos artistas de sucessos, escolhemos para postar essa perola de Adoniran Barbosa, “Trem das Onze”, na bela voz de Gal Costa.

O festival foi registrado três volumes do álbum de nome Phono 73 – O canto de um povo.

Vamos curtir essa bela interpretação de Gal Costa.

Como éramos felizes, no tempo dos Festivais…

The Point Carioca - Blog

Clique em CURTIR e Compartilhe.

Morre o autor de Sá Marina

Tiberio  Gaspar Na tarde de hoje, 15/02/2017, o cantor e compositor Tibério Gaspar faleceu na cidade do Rio de Janeiro.

Tibério, junto com Antônio Adolfo, formaram a parceria de grande sucesso no final da década de 60.

Entre tantas canções, temos: “Juliana”, “Teletema”, e “BR3” (que foi vencedora do V FIC – Festival Internacional da Canção, na interpretação de Tony Tornado).

Mas hoje vamos relembrar um grande sucesso composto em parceria com Antônio Adolfo, acredito que seja um dos mais conhecidos, que ficou eternizado na interpretação de Wilson Simonal: “Sá Marina”.

A canção ganhou uma versão em inglês, gravada por Stevie Wonder, com o nome de “Pretty World”.

Vamos relembrar “Sá Marina”, na gravação de Simonal.

A MPB perde mais um de seus grandes compositores.

The Point Carioca - Blog

Clique em CURTIR e Compartilhe.