Voltando aos nomes de mulheres, a vez de “Amélia”

Caio Martinez Essa é uma pérola de nossa MPB. O samba, composto por Ataulfo Alves e Mário Lago, foi gravado pelo próprio Ataulfo acompanhado por Jacob do Bandolim, no ano de 1942.

Também foi foi um grande sucesso no carnaval daquele ano, sendo tocada no baile do Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

O nome do samba: “Ai! que saudade da Amélia”.

Para muitos, inclusive para o próprio Ataulfo, Améliasimbolizava a companheira ideal, a mulher de verdade”.

Me lembro, na década de 60, a rapaziada se reunindo para cantar algumas músicas, acompanhadas de um violão e várias garrafas de cerveja. Como sempre, os cariocas com seu jeito gozador, acrescentaram à letra da música as frases “Por Cima” e “Por Baixo”, alternadamente, ao final de cada frase cantada. Isso, naquela época, era visto como uma indecência. Não imaginávamos o que seria apresentado nas novelas das 6 ou das 7 dos dias atuais.

Bem, o samba todos conhecem, mas esse arranjo que encontramos no YouTube é especial. Trata-se da interpretação de “Caio Martinez e a Gafieira Elétrica”, um projeto bem interessante.

Vale a pena curtir.

Aposto que você cantou com a jeito carioca….

The Point Carioca - Blog

Clique em CURTIR e Compartilhe.

Anúncios

3 comentários sobre “Voltando aos nomes de mulheres, a vez de “Amélia”

  1. virgiliodassilvagaspar 9 09UTC agosto 09UTC 2017 / 08:01

    Ficou uma gravação bem diferente. Gostei.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s